segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Encontro aberto - Fórum Setorial

O terceiro encontro aberto de 2017 do Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom terá a presença especial do prof. Dr. Daniel Gevehr, com a fala "Museus e Desenvolvimento Regional".
CONFIRME SUA PRESENÇA: https://www.facebook.com/events/1233096130170240/
Local: Clube 15 de Novembro (Av. Brasil, 3092)
Data: 23/08/2017
Horário: 18h

Sobre o convidado
Daniel Luciano Gevehr é doutor em história (2007) pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Possui graduação em história (2000) e mestrado em história (2003) pela mesma Universidade. Autor da Tese Pelos Caminhos de Jacobina: memórias e sentimentos (res)significados, aprovada com grau máximo pela banca examinadora. É Professor Titular, nível II, do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional (PPGDR), onde também atua como Líder do Grupo de Pesquisa (CNPq) Instituições, Ordenamento Territorial e Políticas Públicas para o Desenvolvimento Regional, das Faculdades Integradas de Taquara (FACCAT). Atua, ainda, como Professor Adjunto no Instituto Superior de Educação Ivoti (ISEI). É Coordenador Institucional do Pibid - Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (CAPES-ISEI). Seu campo de investigação privilegia, atualmente, as questões que envolvem a problemática do patrimônio cultural, da educação patrimonial, da memória,das sensibilidades, da produção dos espaços urbanos, das representações e da produção de narrativas visuais em espaços museológicos associados à imigração alemã no sul do Brasil. Tem experiência na área de História, Patrimônio e Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: História do Brasil e do Rio Grande do Sul, Movimento Mucker, Patrimônio Cultural, Educação Patrimonial, Processos de Produção dos Espaços Urbanos, Ensino de História, Memória, Gênero e Processos identitários. (E-mail para contato: danielgevehr@hotmail.com)
QUEM SOMOS
O Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom é uma instância de caráter permanente, consultiva e propositiva, composto por pessoas físicas e jurídicas atuantes no setor do patrimônio cultural no município.
Tem como competência debater, formular, monitorar, fiscalizar e propor políticas públicas relacionadas ao setor do Patrimônio Histórico e Cultural no município de Campo Bom. Também tem atribuição de nomear suas representações no Conselho Municipal de Políticas Culturais, no Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural e auxiliar na construção do Plano Municipal de Cultura.
Saiba mais no nosso blog: http://patrimoniocampobom.blogspot.com.br/

Atividades - Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural


A nossa página, a partir de hoje, passará a trazer também notícias sobre a atuação do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom!
O Conselho está iniciando sua atuação e estruturação, organizando os procedimentos cabíveis para construir uma política municipal de patrimônio. Tem reuniões mensais, e é regido pela Lei Municipal nª 2494/2003.
Saiba Mais
O Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom tem 50% de vagas para participação da sociedade civil e 50% para indicações do poder público.
A eleição para os membros representantes da sociedade civil foi realizada em outubro de 2016, após divulgação de edital público em jornais, sendo eleitos pela comunidade os seguintes representantes:
Titulares:
Débora Trierweiler
Jorge Luís Stocker Jr.
Roberto Atkinson
Rodrigo Luis Dos Santos
Suplentes:
Davi Luther
Maria Isabel Blos
Melissa Orsi
Paulo Orsi
Os conselheiros da sociedade civil tomaram posse em 29/08/2016 para um mandato de 2 anos. Desempenham esta função de forma voluntária, não remunerada, sendo considerado trabalho de interesse público para o município.
Em 10/04/2017 os integrantes do poder público foram empossados:
a) Secretaria Municipal de Educação e Cultura
Moacir Sarmento - Titular
Denian Balon Pereira - Suplente
b) Secretaria Municipal de Administração
Jonatas Grings - Titular
Adão Luiz Corrêa - Suplente
c) Assessoria Jurídica
Julia Maria Figueiredo de Oliveira - Titular
Pedro Santos de Azevedo - Suplente
d) Departamento de Planejamento
Francieli Muck Hahn - Titular
Raquel Ermel - Suplente
O Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural elegeu em reunião ordinária no mês de Junho/2017, para a Presidência o representante da sociedade civil, Jorge Luís Stocker Jr., e para Secretario, o representante do poder público Moacir José Sarmento, visando revezamento entre sociedade civil e poder público nos termos da Lei Municipal nª 2494/2003.
As ações e encaminhamentos do Conselho Municipal serão divulgadas por esta página e também a partir da busca de parceria com os veículos de comunicação da cidade, visando aumentar a participação e transparência.

terça-feira, 11 de julho de 2017

Encontro: Um Museu para Campo Bom

"Um museu para Campo Bom" será o tema do terceiro encontro aberto de 2017 do Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom.

O encontro ocorrerá no dia 23/08 e terá a presença especial do prof. Dr. Daniel Gevehr, com a fala "MUSEUS E DESENVOLVIMENTO REGIONAL".

Agende a data e aguarde maiores informações, em breve!

Sobre o convidado
Daniel Luciano Gevehr é doutor em história (2007) pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Possui graduação em história (2000) e mestrado em história (2003) pela mesma Universidade. Autor da Tese Pelos Caminhos de Jacobina: memórias e sentimentos (res)significados, aprovada com grau máximo pela banca examinadora. É Professor Titular, nível II, do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional (PPGDR), onde também atua como Líder do Grupo de Pesquisa (CNPq) Instituições, Ordenamento Territorial e Políticas Públicas para o Desenvolvimento Regional, das Faculdades Integradas de Taquara (FACCAT). Atua, ainda, como Professor Adjunto no Instituto Superior de Educação Ivoti (ISEI). É Coordenador Institucional do Pibid - Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (CAPES-ISEI). Seu campo de investigação privilegia, atualmente, as questões que envolvem a problemática do patrimônio cultural, da educação patrimonial, da memória,das sensibilidades, da produção dos espaços urbanos, das representações e da produção de narrativas visuais em espaços museológicos associados à imigração alemã no sul do Brasil. Tem experiência na área de História, Patrimônio e Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: História do Brasil e do Rio Grande do Sul, Movimento Mucker, Patrimônio Cultural, Educação Patrimonial, Processos de Produção dos Espaços Urbanos, Ensino de História, Memória, Gênero e Processos identitários. (E-mail para contato: danielgevehr@hotmail.com)

QUEM SOMOS

O Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom é uma instância de caráter permanente, consultiva e propositiva, composto por pessoas físicas e jurídicas atuantes no setor do patrimônio cultural no município.

Tem como competência debater, formular, monitorar, fiscalizar e propor políticas públicas relacionadas ao setor do Patrimônio Histórico e Cultural no município de Campo Bom. Também tem atribuição de nomear suas representações no Conselho Municipal de Políticas Culturais, no Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural e auxiliar na construção do Plano Municipal de Cultura.

Saiba mais no nosso blog: http://patrimoniocampobom.blogspot.com.br/

sábado, 20 de maio de 2017

Reunião Projeto Verdesinos (19/05)

Na última sexta-feira (19/05) o Arq. Jorge Luís Stocker Jr. e o historiador Rodrigo Luís dos Santos, representantes do Fórum Setorial, estiveram na sede do Projeto Dourado/EMEF 25 de Julho em uma das reuniões de debate municipal do Projeto Verdesinos, do Comitesinos.
O Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural contribuiu em especial abordando a complementariedade entre o patrimônio cultural e o ambiental, defendendo a inclusão da educação patrimonial entre os objetivos do programa.
Também, levou-se ao conhecimento dos participantes a existência de alguns bens ambientais já inventariados como de interesse cultural no Inventário do Patrimônio Cultural Arquitetônico e Paisagístico, como os Banhados do Rio dos Sinos, o Balneário Chico Mendes, O Parque Municipal da Integração Arno Kunz - Parcão, entre outros que se vinculam com a bacia hidrográfica do Rio dos Sinos.


terça-feira, 16 de maio de 2017

Grupo debateu o patrimônio imaterial de Campo Bom


O Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom promoveu, no dia 10 de maio, seu segundo encontro aberto do ano com o tema “O Imaterial como Patrimônio Cultural”, tendo como local o Clube 15 de Novembro.

A reunião contou com uma palestra da Especialista em Patrimônio Cultural Vania Inês Avila Priamo, que trouxe esclarecimentos a respeito dos conceitos, da legislação e dos procedimentos para o registro dos bens culturais imateriais.

Na sequência, a integrante do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural, Débora Trierweiler, apresentou a experiência do registro municipal do Orangebrod – o Pão de Laranja, oferecendo também degustação deste patrimônio aos participantes.

O grupo debateu encaminhamentos para o tema, visando a construção do Plano Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural, com destaque para a necessidade de incluir a educação patrimonial nos currículos escolares.

Sobre o Fórum

O Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom é uma instância de caráter permanente, consultiva e propositiva, composto por pessoas físicas e jurídicas atuantes no setor do patrimônio cultural no município. Tem como competência debater, formular, monitorar, fiscalizar e propor políticas públicas relacionadas ao setor do Patrimônio Histórico e Cultural no município de Campo Bom. Também tem atribuição de nomear suas representações no Conselho Municipal de Políticas Culturais, no Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural e auxiliar na construção do Plano Municipal de Cultura.


Fanpage: https://www.facebook.com/patrimoniocampobom/

Blog: http://patrimoniocampobom.blogspot.com.br/









terça-feira, 9 de maio de 2017

Entrevista - Destruição do Cemitério do Bairro Quatro Colônias Norte

Ouça no link, entrevista concedida ao programa Momento do Patrimônio, do Setor de Patrimônio Histórico - UFRGS, a respeito da destruição do cemitério do bairro Quatro Colônias Norte.


sexta-feira, 5 de maio de 2017

Participação em Criação de Rede de Museus


Ontem (04/05) o Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom participou da reunião de criação da Rede de Museus e Entidades de Imigração Alemã.
A reunião ocorreu em Nova Petrópolis (RS) e teve presença das entidades: Museu Histórico de Nova Petrópolis; Museu Alberto Hillebrand, da Linha Imperial - Nova Petrópolis; Museu Municipal Cláudio Oscar Becker, de Ivoti; Museu SMEC, de Picada Café; Museu de Venâncio Aires; Memorial ao Imigrante Alemão, de Montenegro; Museu Histórico de Dois Irmãos; Museu Histórico Visconde de São Leopoldo; e entidades: Associação Nacional de Pesquisadores da História das Comunidades Teuto-Brasileiras (ANPHCTB) e Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom.
A pauta foi a apresentação das instituições, suas propostas e expectativas. A Rede servirá para o fortalecimento das instituições, lutando pelo necessário reconhecimento de sua importância cultural e educativa, esclarecendo aos governos e comunidade sua importância econômica, como geradora de empregos e como atrativos turísticos.

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Encontro: O Imaterial como Patrimônio Cultural


"O Imaterial como Patrimônio Cultural" será o tema do segundo encontro aberto de 2017 do Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom.

CONFIRME SUA PRESENÇA: https://www.facebook.com/events/421078494936037

O encontro é aberto e gratuito, e terá a presença especial de Vania Inês Avila Priamo, com a fala "Patrimônio Imaterial: Conceitos e Legislação".

Data: 10/05 às 18h
Local: Clube 15 de Novembro (Av. Brasil, 3092)

Sobre a convidada:
Vânia Inês Ávila Primo é mestre em História pela Unisinos, Especialista em Patrimônio Cultural e Centros Urbanos pela UFRGS. Atua no Museu Histórico de Nova Hartz (RS) e no Conselho Municipal de Patrimônio Cultural de Nova Hartz.

Quem somos:

O Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom é uma instância de caráter permanente, consultiva e propositiva, composto por pessoas físicas e jurídicas atuantes no setor do patrimônio cultural no município.

Tem como competência debater, formular, monitorar, fiscalizar e propor políticas públicas relacionadas ao setor do Patrimônio Histórico e Cultural no município de Campo Bom. Também tem atribuição de nomear suas representações no Conselho Municipal de Políticas Culturais, no Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural e auxiliar na construção do Plano Municipal de Cultura.

quinta-feira, 6 de abril de 2017

Reunião com Prefeito Municipal

Hoje (06/04), representantes dos familiares dos sepultados no antigo cemitério do Quatro Colônias Norte foram recebidos pelo Prefeito Luciano Orsi e pelo Secretario Municipal de Meio Ambiente João Flávio Rosa.
Também participaram integrantes da Câmara Técnica do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural, responsáveis pelo relatório que visa a reparação e compensação pela destruição causada.
Há convergência de todas as partes a respeito da gravidade do dano causado (tanto ao patrimônio cultural quanto o dano moral coletivo) e também quanto aos encaminhamentos apontados no Relatório da Câmara Técnica.
O proprietário já foi notificado para reparação dos danos conforme diretrizes do Conselho e foi aplicada a mais alta multa ambiental da legislação vigente. Aguarda-se o prazo legal de recurso para os próximos passos visando a futura recuperação do cemitério.

sábado, 25 de março de 2017

Vistoria no Cemitério de Quatro Colônias Norte


Hoje (24/03) a tarde a Câmara Técnica do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom realizou uma vistoria na destruição do antigo cemitério de Quatro Colônias Norte, com acompanhamento da fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal.

A Câmara Técnica está elaborando um parecer para quantificar e qualificar o dano cultural causado pela destruição do cemitério, que é inventariado como patrimônio cultural de Campo Bom pelo IPHAE/RS.

O parecer também visa elaborar instruções para os procedimentos necessários de resgate e conservação do material remanescente e também a compensação pelo dano irreversível causado. Além da destruição de dezenas de lápides esculpidas em arenito, com inscrições em alemão gótico, impõe-se o irreparável dano afetivo a população e familiares dos ali sepultados, bem como o referencial paisagístico do local.







quinta-feira, 23 de março de 2017

Nota de repúdio


O Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom repudia a ação ilegal de destruição do antigo Cemitério do Quatro Colônias Norte ocorrida nesta noite.

Já comunicamos o poder público municipal e a Promotoria do Ministério Público Estadual, e esperamos que todo o dano cultural materializado nesta agressão seja revertido integralmente, através da recuperação cuidadosa de todas as lápides remanescentes; e que a sociedade seja indenizada também através de outras medidas compensatórias.

Recomendamos que todos cidadãos interessados também enderecem suas denúncias para o e-mail: mpcampobom@mprs.mp.br
aos cuidados da promotora de Justiça Letícia Elsner Pacheco.

O Cemitério do Quatro Colônias Norte é o cemitério mais antigo do município (iniciado entre 1826 e 1828) e que teria recebido o primeiro sepultamento oficial de Campo Bom, ainda anteriormente a inauguração do antigo Cemitério Evangélico no centro. No local encontram-se lápides dos imigrantes que ocuparam a região, das famílias Deuner, Ermel, Hoffmeister, Lauer, Reichert, Vetter e Willborn.

Foi inventariado como Patrimônio Cultural de Campo Bom pelo IPHAE/RS em 2016.

quarta-feira, 8 de março de 2017

Encontro O Meio Ambiente como Patrimônio Cultural (08/03)


Hoje (08/03) foi realizado o nosso Encontro O Meio Ambiente como Patrimônio Cultural.
O Fórum Setorial agradece a participação de todos e em especial ao Clube 15 de Novembro pela cessão do espaço e a nossa convidada, Débora Cristina da Silva, que nos falou sobre o seu trabalho Projeto Banhados em Nós - Patrimônio Cultural, Material e Natural.

As contribuições enriqueceram o debate, e certamente irão orientar as futuras ações do Fórum Setorial.




quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Reunião com a SMEC


Hoje a tarde, integrantes do Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural estiveram reunidos com a Secretaria de Educação e Cultura, Simone Schneider e com o Coordenador de Cultura Moacir Sarmento. A reunião teve caráter informativo, visando relatar as atividades já desenvolvidas pelo Fórum Setorial desde a sua formalização, convidando também representantes da SMEC para participarem do próximo encontro aberto, que ocorrerá no dia 08/03. Também conversou-se a respeito da retomada das atividades do Conselho Municipal de Políticas Culturais e do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom, que deve ocorrer em março após o empossamento dos novos representantes do poder público municipal.
Representaram o Fórum Setorial o atual presidente, Arq. Jorge Luís Stocker Jr, e o historiador Rodrigo Luis dos Santos.

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

O Meio ambiente como Patrimônio Cultural

"O Meio ambiente como Patrimônio Cultural" será o tema da primeiro encontro aberta do Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom no ano de 2017.

CONFIRME SUA PRESENÇA: https://www.facebook.com/events/1863578530597779/

Na pauta, o patrimônio ambiental campo-bonense e sua abordagem enquanto um conjunto de bens culturais, passíveis de tutela também por seus valores históricos, paisagísticos e afetivos.

O encontro terá a presença especial de Débora Cristina da Silva, autora do livro Os Banhados em Nós e Nós nos Banhados: Patrimônio Cultural, Material e Natural da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos, baseado na sua dissertação de pós graduação em Diversidade Cultural e Inclusão Social.





A Cabecinha de Pedra - Felsköpfche - Do Bairro Quatro Colônias Norte

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Reunião Câmara Temática de Acervos e Museus e Associação Pró Memória

Hoje (15/02/2017) a Câmara Temática de Acervos e Museus do Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom teve um encontro com representantes da Associação Pró Memória.

O encontro se deu no local onde hoje está abrigado o acervo de documentos e objetos históricos reunido pela Associação, visando discutir as possibilidades de apoio do Fórum Setorial no sentido de auxiliar na organização, catalogação e recuperação do acervo.

Entre os destaques do acervo, estão maquinários industriais de antigas fábricas da cidade e inúmeros documentos e periódicos relativos ao município de Campo Bom.

Participaram da reunião a Sra. Renilda Adi Gerhardt, atual presidente da Associação pró-Memória, o 1ª Tesoureiro da Associação Celso Moacyr Blos, o historiador Roberto Atkinson, o historiador Rodrigo Luís dos Santos e o Arquiteto e Urbanista Jorge Luís Stocker Jr., atual presidente do Fórum Setorial.

O intuito da Associação e do Fórum Setorial é organizar um plano de ação para através de ações sucessivas, salvaguardar o acervo e disponibilizá-lo para visitação da comunidade