sábado, 25 de março de 2017

Vistoria no Cemitério de Quatro Colônias Norte


Hoje (24/03) a tarde a Câmara Técnica do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom realizou uma vistoria na destruição do antigo cemitério de Quatro Colônias Norte, com acompanhamento da fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal.

A Câmara Técnica está elaborando um parecer para quantificar e qualificar o dano cultural causado pela destruição do cemitério, que é inventariado como patrimônio cultural de Campo Bom pelo IPHAE/RS.

O parecer também visa elaborar instruções para os procedimentos necessários de resgate e conservação do material remanescente e também a compensação pelo dano irreversível causado. Além da destruição de dezenas de lápides esculpidas em arenito, com inscrições em alemão gótico, impõe-se o irreparável dano afetivo a população e familiares dos ali sepultados, bem como o referencial paisagístico do local.







quinta-feira, 23 de março de 2017

Nota de repúdio


O Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom repudia a ação ilegal de destruição do antigo Cemitério do Quatro Colônias Norte ocorrida nesta noite.

Já comunicamos o poder público municipal e a Promotoria do Ministério Público Estadual, e esperamos que todo o dano cultural materializado nesta agressão seja revertido integralmente, através da recuperação cuidadosa de todas as lápides remanescentes; e que a sociedade seja indenizada também através de outras medidas compensatórias.

Recomendamos que todos cidadãos interessados também enderecem suas denúncias para o e-mail: mpcampobom@mprs.mp.br
aos cuidados da promotora de Justiça Letícia Elsner Pacheco.

O Cemitério do Quatro Colônias Norte é o cemitério mais antigo do município (iniciado entre 1826 e 1828) e que teria recebido o primeiro sepultamento oficial de Campo Bom, ainda anteriormente a inauguração do antigo Cemitério Evangélico no centro. No local encontram-se lápides dos imigrantes que ocuparam a região, das famílias Deuner, Ermel, Hoffmeister, Lauer, Reichert, Vetter e Willborn.

Foi inventariado como Patrimônio Cultural de Campo Bom pelo IPHAE/RS em 2016.

quarta-feira, 8 de março de 2017

Encontro O Meio Ambiente como Patrimônio Cultural (08/03)


Hoje (08/03) foi realizado o nosso Encontro O Meio Ambiente como Patrimônio Cultural.
O Fórum Setorial agradece a participação de todos e em especial ao Clube 15 de Novembro pela cessão do espaço e a nossa convidada, Débora Cristina da Silva, que nos falou sobre o seu trabalho Projeto Banhados em Nós - Patrimônio Cultural, Material e Natural.

As contribuições enriqueceram o debate, e certamente irão orientar as futuras ações do Fórum Setorial.




quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Reunião com a SMEC


Hoje a tarde, integrantes do Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural estiveram reunidos com a Secretaria de Educação e Cultura, Simone Schneider e com o Coordenador de Cultura Moacir Sarmento. A reunião teve caráter informativo, visando relatar as atividades já desenvolvidas pelo Fórum Setorial desde a sua formalização, convidando também representantes da SMEC para participarem do próximo encontro aberto, que ocorrerá no dia 08/03. Também conversou-se a respeito da retomada das atividades do Conselho Municipal de Políticas Culturais e do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom, que deve ocorrer em março após o empossamento dos novos representantes do poder público municipal.
Representaram o Fórum Setorial o atual presidente, Arq. Jorge Luís Stocker Jr, e o historiador Rodrigo Luis dos Santos.

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

O Meio ambiente como Patrimônio Cultural

"O Meio ambiente como Patrimônio Cultural" será o tema da primeiro encontro aberta do Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom no ano de 2017.

CONFIRME SUA PRESENÇA: https://www.facebook.com/events/1863578530597779/

Na pauta, o patrimônio ambiental campo-bonense e sua abordagem enquanto um conjunto de bens culturais, passíveis de tutela também por seus valores históricos, paisagísticos e afetivos.

O encontro terá a presença especial de Débora Cristina da Silva, autora do livro Os Banhados em Nós e Nós nos Banhados: Patrimônio Cultural, Material e Natural da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos, baseado na sua dissertação de pós graduação em Diversidade Cultural e Inclusão Social.





A Cabecinha de Pedra - Felsköpfche - Do Bairro Quatro Colônias Norte

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Reunião Câmara Temática de Acervos e Museus e Associação Pró Memória

Hoje (15/02/2017) a Câmara Temática de Acervos e Museus do Fórum Setorial de Patrimônio Histórico e Cultural de Campo Bom teve um encontro com representantes da Associação Pró Memória.

O encontro se deu no local onde hoje está abrigado o acervo de documentos e objetos históricos reunido pela Associação, visando discutir as possibilidades de apoio do Fórum Setorial no sentido de auxiliar na organização, catalogação e recuperação do acervo.

Entre os destaques do acervo, estão maquinários industriais de antigas fábricas da cidade e inúmeros documentos e periódicos relativos ao município de Campo Bom.

Participaram da reunião a Sra. Renilda Adi Gerhardt, atual presidente da Associação pró-Memória, o 1ª Tesoureiro da Associação Celso Moacyr Blos, o historiador Roberto Atkinson, o historiador Rodrigo Luís dos Santos e o Arquiteto e Urbanista Jorge Luís Stocker Jr., atual presidente do Fórum Setorial.

O intuito da Associação e do Fórum Setorial é organizar um plano de ação para através de ações sucessivas, salvaguardar o acervo e disponibilizá-lo para visitação da comunidade